Publicidade
Curiosidades Mercado

Volkswagen anuncia recall do T-Cross por problema nos amortecedores dianteiros

A Volkswagen anunciou o chamamento de 48.393 unidades do seu SUV de maior destaque no último mês. O T-Cross recebeu o recall por problemas nos amortecedores dianteiros. Essa ação envolve quase todas as unidades que saíram da linha de produção até o início de fevereiro deste ano.

LEIA MAIS

+ Volkswagen T-Cross PcD ganha novo lote e chega em 180 dias

Os envolvidos são os ano/modelo 2020 que foram produzidos entre 23 de janeiro de 2019 e 10 de fevereiro deste anos. Os chassis não sequenciais vão desde L4000105 até L4068835 e L49900066 até L4900160.

O recall envolve boa parte dos veículos vendidos, já que estão envolvidos mais de 48 mil unidades no chamamento e desde que o modelo chegou às concessionárias, no começo do ano passado, até o terceiro mês de 2020, o utilitário conseguiu emplacar cerca de 50 mil unidades.

O problema, de acordo com a marca, envolve a possibilidade de soltura das porcas superiores de fixação das bielas nos amortecedores dianteiros. Isso pode ocasionar ruído na suspensão dianteira e, se o veículo continuar a rodar com esse problema, a porca e a biela podem se soltar.

Nesse caso, a estabilidade do veículo estará comprometida, podendo ocasionar acidentes e danos materiais, além de danos físicos graves ou até mesmo fatais à quem estiver no veículo e a terceiros.

Aqueles que possuem um T-Cross que faz parte do recall deverão comparecer a uma concessionária Volkswagen a partir do dia 14, para substituir as porcas e a aplicação de trava química.

A marca disponibilizou ainda o telefone 0800 019 8866 e o site da empresa na internet – www.vw.com.br – para quem tiver dúvidas.

ME CONHEÇA MAIS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Sua assinatura não pôde ser validada.
Você fez sua assinatura com sucesso.

Lista VIP

Assine nossa lista e receba notícias em primeira mão.