Large Gasolina Dura mais 1
Mercado Recomendamos

Virtus e Cronos são desafiados no comparativo versão a versão

SBD NEo

Depois do duelo versão a versão entre Argo e Polo (veja aqui), chegou a hora de comparar a carroceria sedã dos novos modelos da Volkswagen e da Fiat. Virtus e Cronos são sucessos de vendas para as duas montadoras e elevaram o patamar de qualidade no acabamento e de equipamentos de alta tecnologia no segmento. Mas se você está na dúvida sobre qual dos dois vai levar para casa, vamos destrinchar todas as versões vendidas pelas duas marcas para você sabe qual oferece mais vantagens para estacionar na sua garagem. Acompanhe:

Cronos 1.3 manual (R$54.990) X Virtus 1.6 MSI manual (R$ 61.390)

Assim como fez com o Argo, a Fiat lançou uma versão de entrada ainda mais barata para o Cronos para impulsionar as vendas do sedã, que ainda não conseguiu incomodar o Virtus no mercado. Essa versão vem equipada com o básico que se espera de um carro acima de R$ 50 mil, como ar-condicionado, direção elétrica e vidros e travas elétricas. O que a montadora italiana fez foi tirar a central multimídia de 7 sete polegadas e sensível ao toque. Para incluí-la, basta optar pela outra versão de entrada 1.3 manual, que custa R$ 57.490. É essa versão que recomendamos.

Já o Virtus de entrada tem o mesmo nível de equipamento do Cronos mais barato, mas leva vantagem na mecânica maior e mais potente. (comparativo das fichas técnicas mais abaixo). Para deixar o Volkswagen melhor equipado, com central multimídia (Composition Touch), rodas liga leve 15’’ e sensores de estacionamento é preciso comprar um pacote que eleva o preço do sedã para R$ 64.754. Já no caso do Cronos, ao adicionar todos os equipamentos opcionais que o deixa com o mesmo nível de equipamento do Virtus o preço avança para R$ 65.010.

VEREDITO: Cronos vence nas versões de entrada com câmbio manual.

A explicação para a vitória do Cronos se resume basicamente ao preço. Por R$ 57.490 e é possível levar um sedã com bom acabamento, o básico de equipamentos de série, mas com uma boa central multimídia. E se você não faz questão dessa tecnologia, vai economizar ainda mais na versão de R$ 54.990. O Virtus está até em promoção no site da Volks partindo de R$ 59.990, mas ele só começa a ficar interessante na versão manual ao acrescentar o pacote que custa R$ 3.355, deixando-o mais de R$ 7 mil mais caro que o Cronos. Por isso a vitória do Fiat nessa versão.

Cronos Drive 1.3 GSR (R$62.490) X Virtus 1.6 MSI AT (R$ 66.525)

Partindo para as versões sem pedal de embreagem, o Cronos segue com preços mais competitivos, mas tem um ponto de desvantagem considerável que é o tipo da caixa de transmissão, que no Fiat é automatizada, enquanto no Volks é automática com conversor de torque. Isso faz muita diferença no dia a dia, principalmente para quem gosta de acelerar um pouco mais. Para compensar essa diferença, a Fiat entrega a versão GSR por esse preço já com a central multimídia de série, enquanto no Virtus é preciso adquirir o pacote “Interatividade” para incluir a central sensível ao toque e outros mimos que somam R$ 3.355 ao valor final.

VEREDITO: Empate técnico nas versões sem pedal de embreagem

Todos sabem que uma caixa automática “de verdade” é muito mais agradável e mais econômica que uma automatizada de tecnologia mais antiga. Essa diferença seria suficiente para dar a vitória ao Virtus, não fosse a grande diferença de preço. O Volks com central multimídia fica por R$ 69.880, o que representa uma diferença de R$ 7.390 para o Cronos. Por isso, declaramos empate: se entre os “sem pedal de embreagem” você faz questão da central multimídia, recomendamos o Cronos por R$ 62.490. Já se você não faz uso dessa tecnologia, recomendamos o Virtus MSI automático “de verdade” por R$ 66.525.

Cronos Precision 1.8 AT (R$69.990) X Virtus Highline 200 TSI AT (R$ 79.990)

De cara você deve ter notado uma grande diferença de preço entre Cronos e Virtus. Talvez fosse mais “justo” comparar o Fiat com o Volks na versão intermediária Comfortline (R$ 74.680), mas como nossa ideia é comparar as versões equivalentes (entrada / intermediária / topo de linha), temos que escolher o que de melhor as duas montadoras oferecem.

Essa enorme diferença de preço é justificada pelo nível de equipamentos de tecnologia que as versões oferecem de série. No Virtus, por R$ 10 mil a mais ele vem como ar-condicionado digital, botão de partida e 4 airbags, itens que estão disponíveis apenas como opcionais no Cronos e que, se acrescentados, elevam o preço para R$ 77.230. A diferença já não ficou tão grande.

VEREDITO: Virtus vence na versão topo de linha

Além da vantagem nos itens de tecnologia, não há como não levar em consideração também a mecânica superior do Virtus. Enquanto o Fiat vem como o velho conhecido motor E.Torq de 1.800 cilindradas e 139 cv de potência, o Volks tem sob o capô o moderno e econômico 200 TSI, um mil cilindradas com turbo e injeção direta de combustível que entrega 128 cv. Pode ser menos potente, mas o torque mais elevado (20,4 kgfm contra 19,3 kgfm) e entregue em rotação muita mais baixa dá mais agilidade e pegada esportiva ao sedã alemão. O consumo de combustível é bem melhor no Virtus também.

Se você quer um dos dois sedãs e quer levar todos os equipamentos opcionais disponíveis prepare-se para torrar uma grana pesada. O Cronos “completão” sai por R$ 80.520, incluindo aí rodas de liga-leve 17’’ e bancos em couro. O Virtus chega a R$ 87.015 também com rodas 17’’, bancos em couro, mas com a vantagem do sistema de som Beats, do sensor de estacionamento dianteiro, detector de fadiga, o belo painel de instrumentos digital (Active Info Display) e uma central multimídia mais moderna e completa (Discover Media).

Dimensões comuns em todas as versões

Fiat Cronos
Altura (mm) 1.516
Largura (mm) 1.726
Comprimento (mm) 4.364
Entre-eixos (mm) 2.521
Tanque 48 litros
Porta-malas 525 litros

Volkswagen Virtus
Altura (mm) 1.472
Largura (mm) 1.751
Comprimento (mm) 4.482
Entre-eixos (mm) 2.651
Tanque 52 litros
Porta-malas 521 litros

Fichas técnicas

Cronos 1.3 MT
Potência (cv): 109 (e) 101 (g)
Torque (kgfm): 14,2 (e) 13,7 (g)
Velocidade máxima: 183 km/h
Tempo (0 a 100 km/h): 11,5 segundo
Consumo cidade: 8,5 (e) / 12,4 (g)
Consumo estrada: 10,3 (e) / 14,8 (g)

Virtus 1.6 MSI MT
Potência (cv): 117 (e) 110 (g)
Torque (kgfm): 16,5 (e) 15,8 (g)
Velocidade máxima: 195 km/h
Tempo (0 a 100 km/h): 10,6 segundos
Consumo cidade: 8,2 (e) / 11,9 (g)
Consumo estrada: 9,5 (e) / 13,8 (g)

Cronos 1.3 GSR
Potência (cv): 109 (e) 101 (g)
Torque (kgfm): 14,2 (e) 13,7 (g)
Velocidade máxima: 183 km/h
Tempo (0 a 100 km/h): 11,5 segundo
Consumo cidade: 8,8 (e) / 12,7 (g)
Consumo estrada: 10,4 (e) / 14,8 (g)

Virtus 1.6 MSI AT
Potência (cv): 117 (e) 110 (g)
Torque (kgfm): 16,5 (e) 15,8 (g)
Velocidade máxima: 195 km/h
Tempo (0 a 100 km/h): 10,6 segundos
Consumo cidade: 8,2 (e) / 11,9 (g)
Consumo estrada: 9,5 (e) / 13,8 (g)

Cronos 1.8 E.Torq
Potência (cv): 139 (e) 135 (g)
Torque (kgfm): 19,3 (e) 18,8 (g)
Velocidade máxima: 196 km/h
Tempo (0 a 100 km/h): 9,9 segundo
Consumo cidade: 7,2 (e) / 10,3 (g)
Consumo estrada: 9,6 (e) / 13,3 (g)

Virtus 200 TSI AT
Potência (cv): 128 (e) 116 (g)
Torque (kgfm): 20,4 (e) 20,4 (g)
Velocidade máxima: 194 km/h
Tempo (0 a 100 km/h): 9,6 segundos
Consumo cidade: 7,8 (e) / 11,2 (g)
Consumo estrada: 10,2 (e) / 14,6 (g)

SBD Parvi

ME CONHEÇA MAIS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Sua assinatura não pôde ser validada.
Você fez sua assinatura com sucesso.

Lista VIP

Assine nossa lista e receba notícias em primeira mão.