Mercado

Vendas Diretas chegam a quase 40% do total, com destaque para o Renegade

Ao analisar a comercialização de carros no Brasil nos últimos meses, é possível notar um crescimento bem acima da média. Não estamos falando especificamente de algum modelo ou segmento, mas sim das Vendas Diretas. Dos 162.537 automóveis emplacados no país no mês de fevereiro, cerca de 63 mil (ou 39,11%) foram comercializados nessa modalidade. O destaques são o Chevrolet Onix e o Jeep Renegade.

LEIA MAIS

+ Renegade só perde para Onix na Venda Direta, que são 31% dos emplacamentos de janeiro

A Venda Direta pode ser originada a partir de vendas corporativas, nas quais a montadora negocia diretamente com grandes clientes, como frotistas e/ou locadoras, assim como, também, em operações realizadas nas concessionárias como, por exemplo, vendas para taxistas, produtores rurais, PcD (Pessoa com Deficiência), entre outros.

Quando acrescentamos os Comerciais Leves, que incluem picapes e furgões, o percentual da Venda Direta aumenta para 42,94% das comercializações do mês passado.

Que o líder geral dos emplacamentos seja o primeiro colocado também nas Vendas Diretas não é difícil de entender. Ainda mais porque o Onix é muito vendido para locadoras e frotistas. O que podemos chamar de fenômeno nesse segmento é o Renegade. A maior parte dos modelos da Jeep comercializados em fevereiro foi através da Venda Direta.

Dos 4.706 exemplares de Renegade emplacados no mês passado, 3.397 foram negociados nessa modalidade de venda, o que representa quase 70% dos emplacamentos do SUV. Esse é o maior percentual de representatividade das Vendas Diretas em um automóvel no Brasil.

Veja abaixo o ranking das Vendas Diretas dos automóveis e comercias leves em fevereiro.

SBD Jetta Outlet

Baixe meu E-book

Inscreva-se para receber seu e-book gratuitamente

Acompanhe nosso canal

RET Jetta Outlet
RET Polo Março