Vai pegar a estrada nas férias? Veja como economizar com a gasolina

As festas de final de ano geralmente são acompanhadas por férias ou recesso, o que permite que muita gente pegue a estrada nesta época. Para evitar surpresas no orçamento, é bom colocar no papel todos os gastos com a viagem. Fazer uma revisão no carro antes de cair na estrada é fundamental, como também checar as condições dos pneus, inclusive do estepe. Se estiver tudo bem no carango, ótimo. Agora, é hora de calcular quanto será gasto com gasolina, que geralmente representa o maior custo de uma viagem de carro. Portanto, o que você puder economizar no combustível terá um peso importante no orçamento, seja na forma de conduzir ou na escolha de uma gasolina que aumente a autonomia do carro.

LEIA MAIS

+ Alta do dólar empurra o preço da gasolina para cima. Veja como economizar

Se você vai rodar cerca de 1.000 km com o carro e ele faz uma média de 12 km com um litro de gasolina na estrada, você vai precisar de aproximadamente 84 litros para completar a viagem. Se pegarmos o preço de R$ 4,56 por litro (valor médio no Recife), você gastará cerca de R$ 380 apenas com gasolina.

Mas há formas de economizar combustível durante a viagem. Nada de desligar o ar-condicionado e abrir os vidros. Em velocidades superiores a 80 km/h, vale mais a pena deixar os vidros fechados e o ar-condicionado ligado em razão do atrito aerodinâmico que os vidros abertos criam. Também não se deve aproveitar as ladeiras e deixar o carro descer desengatado. Você economizará mais se deixar a marcha engatada e tirar o pé do acelerador, pois dessa forma o motor não consume combustível.

São muitas as alternativas para se economizar combustível na estrada, dependendo da forma de dirigir de cada pessoa. Mas uma conta que é certa e que todos podem fazer é escolher uma gasolina que vai aumentar a autonomia do carro. A gasolina Duramais, da Dislub (Nordeste) e Equador (na Região Norte), garante um aumento de 10% na autonomia, o que numa viagem longa pode representar uma boa economia no orçamento.

A Duramais funciona da seguinte forma: enquanto as gasolinas aditivadas que temos hoje nos postos possuem como característica principal a adição de um detergente e um dispersante para aumentar o desempenho, a Duramais recebe um catalisador que aumenta esse desempenho, utilizando mais a gasolina investida, sem desperdiçar, como geralmente acontece. Isso garante uma eficiência maior em pelo menos 10%, o que vai refletir diretamente no seu bolso.

Além da economia do combustível, com a Duramais no tanque, o seu carro vai poluir cerca de 50% a menos porque ela funciona como um catalisador capaz de reduzir o índice de poluentes presentes nos combustíveis fósseis.

Artigos Recentes