Mercado

TOP10 dos sedãs: Volkswagen Virtus foi o melhor estreante de 2018

Para um carro que foi lançado em janeiro e só começou a ser vendido de fato em meados de fevereiro, o desempenho do Virtus é digno de destaque no ano de 2018. Foi o estreante mais bem-sucedido dos últimos tempos no mercado nacional, terminando o ano na primeira colocação em seu segmento, com 41.634 unidades vendidas.

A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) divide o segmento dos sedãs em quatro categorias: Pequenos, Compactos, Médios e Grandes. O Virtus foi classificado como compacto, tendo como principais rivais o Chevrolet Cobalt, Honda City e Toyota Yaris. O Fiat Cronos, que todos tratam como o maior rival do alemão, foi enquadrado como “pequeno”, juntando-se ao time liderado por Prisma, Ka Sedan, Voyage e HB20S.

Entretanto, mesmo se incluímos o Cronos (que foi lançado na mesma época que o Virtus) entre os compactos, o sedã alemão seguiria na liderança com folga, uma vez que o italiano produzido em Betim (MG) vendeu 29.307.

LEIA MAIS

+ Volkswagen em festa: Virtus é o carro mais premiado do ano no Brasil

+ Volkswagen apresenta versões GTS do Polo e do Virtus no Salão de São Paulo

+ Com a gasolina nas alturas, escolher um motor econômico, como do Virtus é uma saída

+ Como ficam os sedãs em 2019 com as chegadas do novo Corolla e mais versões do Jetta

+ Conheça o novo Toyota Corolla, que chegará no próximo ano ao Brasil

Fazendo um exercício diferente, juntando todos os sedãs vendidos no Brasil, o pódio ficaria assim: 1º) Chevrolet Prisma (71.735), 2º) Toyota Corrolla (59.062) e 3º) Volkswagen Virtus (41.634). Ou seja, o recém-chegado sedã do Polo desbanca nomes com muito mais tempo de mercado, como Ka Sedan, HB20 S, Honda Civic e Cobalt.

Fazendo uma projeção para 2019, o mercado dos sedãs não deve sofrer muitas mudanças entre os líderes. Novos Corolla e Prisma estão previstos para o segundo semestre e devem seguir encabeçando suas categorias.

Já entre os compactos, quem pode dar algum trabalho para o Virtus é o Yaris. O sedan compacto japonês só estreou no segundo semestre de 2018, mas tem um bom desempenho, uma vez que foi o segundo colocado nas vendas entre os compactos no mês de dezembro, quando emplacou 3.128 unidades, contra 4.241 do Virtus.

É muito provável que o Yaris já ocupe a segunda posição no segmento em janeiro e comece a incomodar o pessoal da Volkswagen. O que pode ajudar ainda mais a incrementar as vendas do Virtus é a chegada da linha GTS. Mesmo sendo um carro caro, que vai passar dos R$ 90 mil, terá um grande apelo pela esportividade, o que pudemos conferir de perto no Salão do Automóvel de São Paulo do ano passado.

Premium

Entre sedãs grandes, não deu para o BMW Serie 3. O Mercedes Classe C ficou na liderança com 5.041 unidades vendidas, deixando o rival alemão na segunda posição com 2.981 emplacamentos. A esperança da BMW é que a chegada do novo Serie agora neste trimestre aqueça as vendas e tornem essa batalha, que é mundial, mais equilibrada.  

Baixe meu E-book

Inscreva-se para receber seu e-book gratuitamente

Acompanhe nosso canal

300×250 NEO Blindados
300×250 Auto Parvi