Renault vai fazer SUV concorrente do Compass e anuncia investimento

A Renault do Brasil anunciou investimento de R$ 2 bilhões, no Complexo Ayrton Senna, no Paraná, para a produção de um C-SUV, completamente novo, sobre a nova Plataforma Modular do grupo, CMF-V, a mesma utilizada pelo Kardian, que será lançado em março de 2024.

O novo C-SUV de cinco lugares, ainda sem nome de batismo (deverá começar com a letra K), terá opção de ser equipado com motor híbrido – o primeiro do grupo no Brasil. Até o momento, a montadora só conta com carros 100% elétricos (importados) e movidos a combustão.

O carro é maior do que o Duster e vai ocupar espaço no segmento do Compass, SUV bem sucedido no mercado nacional. O novo utilitário em nada será parecido com qualquer produto Dacia, será um 100% Renault em design, tecnologia e acabamento. O novo desenho francês vem agradando a crítica. Vide os últimos produtos apresentados na França e nos países do Velho Continente.

LEIA MAIS
+ Porque os elétricos darão certo desta vez?

O carro utilizará motor produzido no Complexo Ayrton Senna pela Horse, empresa dedicada ao desenvolvimento, produção e fornecimento da próxima geração de motopropulsores híbridos de baixa emissão, conforme anunciado na semana passada, com investimento de R$ 100 milhões que contempla a nacionalização do propulsor 1.3 turbo.

O anúncio foi feito, nesta segunda-feira (4), em São José dos Pinhais, Paraná, no Complexo Ayrton Senna na presença do vice presidente e ministro da indústria, Geraldo Alckmin. A solenidade também contou com a presença do CEO da Renault América Latina, Luiz Fernando Pedrucci, que destacou o investimento adicionou de R$ 2 bilhões com foco no parque fabril.

“Este novo recurso em nossa fábrica do Brasil resulta em um total de R$ 5,1 bilhões iniciados desde 2021, o que é uma clara demonstração do compromisso da empresa com o país”, ressalta Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.

Picapes
A Oroch vai continuar como única representante da Renault no segmento nacional. Pelo menos por enquanto. A Niagara Concept, exibida no final de outubro, durante a mostra internacional do compacto Kardian, será feita na Argentina e pelo andar do planejamento, o utilitário deve antecipar a próxima geração da Oroch. O conceito tem motorização híbrida e tração 4×4.

Elétricos
Sobre os modelos elétricos, ainda não há previsão para a Renault iniciar a produção nacional. “Os elétricos continuarão importados sem produção local”. A Renault conta com três modelos elétricos no Brasil e todos levam o E-Tech na nomenclatura. São eles: Kwid, Megane e Kangoo.

Artigos Recentes