Lançamentos

Novo Jetta ganha versão de entrada abaixo dos R$ 100 mil para decolar nas vendas

O novo Jetta chegou fazendo muito barulho no mercado automotivo em setembro, mas isso não refletiu diretamente nas vendas até então. Em novembro, o sedã médio vendeu apenas 387 unidades, menos até que o Mercedes Classe C, que estava em promoção por mudança de linha. A Volkswagen apresenta agora uma versão de entrada do Jetta por R$ 99.990 (R$ 10 mil mais barata que a Comfortline) para tentar reverter esse quadro e dar volume ao seu médio.

Produzido em Puebla, no México, o Novo Jetta 250 TSI complementa a oferta do modelo no Brasil, sendo posicionado abaixo das versões Comfortline 250 TSI e R-Line 250 TSI. Ele é equipado com o motor 1.4 TSI Total Flex (de até 150 cv e 250 Nm de torque) e a transmissão automática de seis marchas, mesmo conjunto mecânico das demais configurações.

A nova versão (assim como as demais) conta com três anos de garantia de
fábrica, sem limite de quilometragem, e tem as três primeiras revisões gratuitas. O Novo Jetta é oferecido em cinco opções de cor: três sólidas
(Branco Puro, Preto Ninja e Vermelho Tornado) e duas metálicas (Prata Snow
e Cinza Platinum).

O Novo Jetta 250 TSI chega com uma equação muito equilibrada entre nível de equipamentos e posicionamento de mercado. Com itens de série valorizados pelos consumidores do segmento de sedãs médios, o modelo chega, segundo a Volks, para ser referência em relação custo-benefício.

 

A novidade sai de fábrica com faróis e lanternas de LED, ar-condicionado Climatronic com regulagem digital de temperatura para motorista e passageiro (duas zonas), sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, sensor de chuva, seis airbags (dois frontais, dois laterais e dois do tipo cortina), Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), Bloqueio Eletrônico do Diferencial, sistema Start/Stop e Função de Frenagem de Manobra (RBF).

Complementam o conjunto freio de estacionamento eletromecânico (com acionamento por botão), assistente de partida em subidas, vidros, travas e retrovisores externos com acionamento elétrico, volante multifuncional e novas rodas de liga leve 16” com design “Sakado” e pneus 205/60 R16.

O sistema de infotainment “Composition Media” também é item de série. Com tela de 8 polegadas sensível ao toque (touchscreen) com resolução de 800 x
400 ppi, oferece comando de voz, Bluetooth, 2 entradas USB e tecnologia
App Connect, que permite espelhamento com smartphones (Android Auto, Apple CarPlay e Mirrorlink).

O Novo Jetta é baseado na Estratégia Modular MQB e mede 4.702 milímetros (mm) de comprimento, 1.799 mm de largura (sem os espelhos retrovisores) e 1.474 mm de altura. O entre-eixos é de 2.688 mm. Traduzindo: o Novo Jetta oferece ótimo espaço interno para cinco adultos, com mais conforto para cabeças, joelhos e ombros. O porta-malas tem 510 litros de capacidade e é um dos maiores do segmento.

Motorização

O motor 1.4 TSI é produzido pela Volkswagen na Fábrica de São Carlos (SP) e desenvolve potência máxima de 150 cv (etanol ou gasolina) a 5.000 rpm. Seu torque máximo, de 250 Nm (25,5 kgfm), surge a apenas 1.400 rpm e se mantém plano até 3.500 rpm, com gasolina ou etanol. Com esse conjunto mecânico, o Novo Jetta 250 TSI acelera de 0 a 100 km/h em 8,9 segundos e tem velocidade máxima de 210 km/h, independentemente do combustível.

Vale ressaltar o sistema Start/Stop de série em todas as versões do modelo. Essa tecnologia desliga o motor durante a marcha lenta quando o pedal do freio é pressionado (por exemplo, quando se espera no sinal vermelho). Quando o pedal do freio é liberado, o motor reinicia sem problemas. Isso se traduz em maior economia de combustível, especialmente no trânsito urbano.

Baixe meu E-book

Inscreva-se para receber seu e-book gratuitamente

Acompanhe nosso canal

RET Audi Junho
300×250 NEO Blindados