Novo Audi A1 cresce, fica mais potente e apimentado

Os fãs do A1 já pediam há muito tempo a chegada da nova geração do hatch de entrada da Audi. A espera parece ter valido a pena, pois os alemães capricharam nas mudanças e conseguiram deixar o “foguetinho” maior, com visual mais apimentado e ainda mais potente sob o capô. O Audi A1 Sportback tem agora 4,03 metros de comprimento, 1,41 m de altura e 1,74 m de largura. Não foram só apenas esses números que fizeram o carro crescer: o desenho fez o carro ganhar corpo, com as grandes entradas de ar e vincos fortes.

O desenho biton (teto de cor diferente da carroceria) também dá mais volume ao desenho. O porta-malas (um ponto fraco da versão atual) ganhou 65 litros de capacidade e agora comporta 335 litros. As novas rodas têm visual exclusivo e variam, dependendo da versão, entre 15 e 18 polegadas.

As coisas também ficaram interessantes sob o capô. Para a Europa, foram anunciados três motorizações turbinadas e a gasolina. Parte do 1.0 TFSI de até 115 cv, passando pelo 1.5 TFSI de 150 cv, até o poderoso 2.0 TFSI de 200 cv. Os câmbios podem ser manual de seis marchas (opção na versão de entrada) ou S-tronic de dupla embreagem e 7 velocidades. O diesel ficou de fora no A1.

No interior, assim como em outros modelos do Grupo Volkswagen, o painel de instrumentos do A1 agora é digital, com o Audi Vitual Cockpit, que tem ainda uma tela multimídia de 8,8 polegadas (10,1’’ como opcional).  

A expectativa agora é que o novo Audi A1 Sportback seja apresentado ao mercado brasileiro ainda neste ano, possivelmente no Salão de São Paulo (8 a 18 de novembro).

Publicidade

Artigos Recentes

Publicidade
Publicidade