Mercado de R$ 60 bilhões por ano traz a Point S para o Brasil

O primeiro grupo mundial de oficinas chega ao país. O centro de serviços automotivos e vendas de pneus, referência multimarcas do mundo, a Point S firmou parceria com a ATO, empresa que tem como sócios dois gigantes do segmento automotivo, os grupos ADTSA e Orletti. O mercado movimenta R$ 60 bilhões por ano e o envelhecimento da frota foi um dos pilares de defesa do consórcio.

LEIA MAIS

+ VEJA O QUE É MITO E O QUE É VERDADE SOBRE COMO ECONOMIZAR GASOLINA

A empresa já possui cerca de 5,7 mil pontos de venda em 49 países com destaque para Canadá, Alemanha, França e na China quando somente por lá entre os chineses são 1200 lojas. Por aqui desembarca no Brasil com o objetivo de abrir mais de 200 pontos nos próximos cinco anos. Os três iniciais serão modelos para a largada do negócio e geração de centenas de empregos diretos e indiretos.

A Point S e a ATO pretendem investir mais de R$ 175 milhões para expandir rapidamente seus negócios no país a partir de já. A última etapa poderá gerar uma cadeia de revenda de seminovos com o selo da marca.

O anúncio feito em São Paulo, cidade onde foi assinado o contrato, contou com a presença do CEO Internacional da Point S, Fabien Bouquet, Bruno Tude de Melo (Vice-Presidente da ADTSA), Wagner Orletti (Presidente da Orletti), Arison Souza (responsável pela operação da Point S na América Latina) e Fabrício Marques da Costa, (Diretor Comercial da ATO).

“Estamos explorando os mercados da América Latina há mais de três anos e nosso principal objetivo era entrar no mercado brasileiro, que é um dos maiores e mais importantes mercados do mundo. O nosso programa global de compras de pneus e autopeças, o know-how internacional e a experiência local dos acionistas da ATO serão um diferencial para os centros automotivos e consumidores finais brasileiros”, comentou Fabien Bouquet.

O principal foco é focar no setor da economia que movimenta cerca de R$ 60 bilhões por ano e o forte segmento de reposição de peças automotivas. Os sócios da ATO comemoração a decisão e já planejam uma robusta abertura de franquias para os próximos anos. A empresa vai trabalhar na “oferta do melhor preço” mostrando numa mesma casa uma variedade de marcas.

“A cadeia automotiva sempre trabalhou com players globais, como é o caso de montadoras, sistemistas, autopeças, seguradoras. Nós, que atuamos nesse segmento e o conhecemos muito bem, sabíamos que havia essa lacuna e concentramos todos os esforços para trazer a maior empresa do setor no mundo. Temos um plano de negócios agressivo, que visa abrir mais de 200 pontos de venda até 2027 só no nosso país”, explicou Bruno Tude de Melo.

Três pontos de venda serão inaugurados este ano, em São Paulo, Recife e Vitória. “Nosso maior diferencial será oferecer um padrão global de qualidade de serviços, por meio do know-how adquirido em 5,7 mil pontos de venda espalhados por quatro continentes. O consumidor brasileiro verá uma oferta competitiva em pneus e autopeças multimarcas, apoiada pelo programa global de compras da Point S”, acrescentou Wagner Orletti.

A firma também irá explorar um programa de laudo cautelar para análise do veículo usado.

Publicidade

Artigos Recentes

Publicidade
Publicidade