Lançamentos

Land Rover Defender se reinventa para continuar sendo um ícone 4×4

SBD Q3

A data 10 de setembro de 2019 ficará para sempre na história dos mais de 70 anos da Land Rover como o dia em que a marca traz de volta – em versão completamente atualizada – seu maior ícone: o Defender. O modelo acaba de ser apresentado pela primeira vez ao mundo durante o Salão do Automóvel de Frankfurt. Para tal, o Defender realizou uma expedição por alguns dos lugares mais remotos do mundo, que terminou exatamente na cidade alemã.

LEIA MAIS

+ Volkswagen lança em Frankfurt seu compacto 100% elétrico com 550 km de autonomia

O ícone da marca britânica foi repensado para superar os padrões do século 21: enquanto sua silhueta inconfundível se mantém em uma referência clara às versões anteriores, elementos contemporâneos foram adicionados ao design do novo Defender, bem como uma série de evoluções tecnológicas.

O modelo carrega consigo o DNA da Land Rover que por mais de sete décadas de inovação, conquistou um lugar entre os exploradores, agências humanitárias e famílias aventureiras de todo o mundo.

Ao lado do luxo e refinamento da família Range Rover e dos utilitários esportivos da linha Discovery, o novo Defender completa a linha da marca britânica. Ela compreende os modelos S, SE, HSE, First Edition e, o top de linha, Defender X, com carroceria em versões 110 e 90.

Os designers da Land Rover repensaram as conhecidas marcas registradas do 4×4, dando uma postura vertical ao modelo. Já a traseira com dobradiças laterais e a roda sobressalente montada do lado de fora, que torna o modelo fácil de identificar, foram mantidas. Sua clássica e inconfundível silhueta, com frontal minimalista e saliências na traseira, oferece grandes ângulos de ataque, de passagem e de saída, perfeitos para os mais difíceis obstáculos off road.

“Nós idealizamos o novo Defender para ser um carro pronto para qualquer situação, com um design inspirado no passado, mas não preso a ele. Sua grade elementar, revestimento sofisticado e postura dominante dão à linha inteira modernidade e confiança diferenciais, ao mesmo tempo que mantém os elementos essências que fazem do Defender tão reconhecível”, afirma Gerry McGober, Diretor de Design da Land Rover.

VERSATILIDADE

A personalidade despojada do Defender original pode ser vista no interior do carro, onde elementos estruturais, que são normalmente escondidos, ficam expostos, priorizando a simplicidade e praticidade. Características inovadoras incluem manopla de câmbio montada no painel, de forma a acomodar um assento opcional. Isso significa que o Defender 110 oferece configurações de quatro, cinco, ou cinco + dois assentos, com espaço de carga atrás da segunda fileira de até 1075 litros. Caso a segunda fileira seja dobrada, o espaço aumenta para 2380. Já o Defender 90 poderá acomodar até seis ocupantes em um veículo de tamanho compacto para a família.

Gama de motores

O novo Land Rover Defender chega ao mercado mundial com quatro opções de motores, sendo duas a diesel e duas a gasolina, todas equipadas com sistema Stop/Start que auxiliam na economia de combustível. Entre as opções, a Land Rover confirma a introdução do motor P400 com tecnolofia PHEV, híbrido entre eletricidade e gasolina, que desenvolve 400 cv de potência e é capaz de rodar somente no modo elétrico por alguns quilômetros. Essa opção será oferecida aos clientes em um segundo momento, ainda não definido.

Além dela, o Defender é equipado com a opção de motor a gasolina: P300 Turbo twin-scrool de 2.0 litros e quatro cilindros, capaz de levar o modelo da imobilidade aos 100 km/h em apenas 8,1 segundos.

Outro motor A gasolina disponível na linha Defender é o P400 MHEV, um 3.0 de seis cilindros que conta com um sistema de turbocompressor twin-scrool convencional, aliado a uma bateria de 48V com um cinto integrado de partida em substituição ao alternador. O sistema desenvolve 400 cv de potência e 56,08 Kgfm de torque. Uma bateria de 48V que armazena a energia cinética gerada pelas frenagens do modelo e auxilia o motor a gasolina em situações de trânsito ou off road intenso.

O modelo ainda conta com duas opções de motores a Diesel, a D200 ou D240, ambas com quatro cilindros e 2.0 litros, com tecnologia de twin turbo sequencial que oferecem 43,84 Kgfm de torque cada, e desenvolvem 200 e 240 cv respectivamente.

Toda a linha Defender é equipada com sistema de transmissão ZF automática de oito velocidades com duas velocidades – normal e reduzida – produzida para proporcionar extrema força em situações de reboque ou fora de estrada.
4×4 raíz

A nova arquitetura D7x da Land Rover, projetada para situações extremas, foi feita de uma construção monocoque leve e forte de alumínio, e corresponde à carroceria mais resistente que a Land Rover já produziu. Ela é três vezes mais rígida do que os modelos tradicionais de carroceria, fornecendo bases perfeitas para suspensão totalmente independente.

Algumas versões do Defender são equipadas com sistema de suspensão a ar, novidade no modelo. Ele traz consigo o sistema Adaptive Dynamics, capaz de monitorar os movimentos do veículo 500 vezes por segundo, e fazer o modelo reagir quase instantaneamente às condições de piso e dirigibilidade, para proporcionar maior controle e conforto ao motorista.

Ele também detecta condições off-road, otimizando a altura de suspensão automaticamente de acordo com o momento. O sistema de ar pode elevar a carroceria a até 145mm, quando necessário. A suspensão convencional helicoidal também está disponível.

O sistema Terrain Response 2 configurável é outra novidade do novo Defender. O motorista pode impedir o deslizamento entre eixos usando as opções Center Slip Limited e Center e Rear Slip Limited na tela touchcreen localizada no painel central. O sistema inteligente permite que motoristas experientes de off-road ajustem as configurações individuais para se adequarem perfeitamente às condições, enquanto motoristas inexperientes podem deixar que o sistema detecte a configuração mais adequada para o terreno, usando a função automática.

A nova arquitetura da carroceria oferece 291mm de distância do solo – 20 mm mais alto do que em qualquer SUV da Land Rover – e geometria off road de classe mundial dá ao modelo 110 ângulos de aproximação, partida e saída de 38, 28 e 40 graus (altura off-road), respectivamente. Sua capacidade de transposição em trechos alagados é de até 900mm, sustentada pelo novo Wade Programme do sistema Terrain Response 2, que garante aos motoristas total confiança para atravessar águas profundas.

Capô “transparente”

A tecnologia ClearSight Ground View – o capô transparente – ajuda o motorista a aproveitar a capacidade do Defender, revelando na tela central as áreas normalmente escondidas pelo capô logo à frente das rodas frontais. Também é possível ter uma visão traseira com o ClearSight Rear View.

O novo Defender também leva a tecnologia Software-Over-The-Air (SOTA) a um novo patamar, com 14 módulos individuais capazes de receber atualizações remotas. Ao fazer download dos dados enquanto clientes estão dormindo em casa, ou em localizações longínquas, o novo Defender vai melhorar com o tempo, conforme atualizações eletrônicas alcançam o veículo imediatamente, sem atraso e sem a necessidade de visitar um retailer Land Rover.

A Land Rover também introduz no novo Defender o sistema de infotenimento Pivi Pro, que pode ser acessado através de uma nova geração de touchscreen mais intuitiva e user-friendly. O sistema exige menos inputs para executar tarefas frequentes, enquanto seu design atual garante respostas praticamente instantâneas.

Em combinação com o monitor interativo de 12,3 polegadas, o sistema avançado fornece mapeamento 3D de alta definição dentro da instrumentação, deixando a tela sensível ao toque central livre para controlar outros aplicativos.

Os usuários também podem monitorar as condições do novo Defender a distância através da tecnologia Land Rover’s Remote, o que permite controlar temperatura ambiente no interior do carro, nível de combustível, localização, além de travar ou destravar à distância.

Em termos de segurança durante a viagem, a nova geração do head-up display mantém o motorista alerta, diminuindo as possibilidades de distrações. Um pacote de assistência ao motorista inclui o Adaptive Cruise Control e o Rear Pre-Collision Monitor, que alertam aproximações ao motorista ao piscar automaticamente luzes de perigo, bem como o Blind Spot Assist, o Rear Traffic Monitor e o Clear Exit Monitor.

SBD T-cross

Baixe meu E-book

Inscreva-se para receber seu e-book gratuitamente

Acompanhe nosso canal

300×250 NEO Blindados
RET Autoparvi Corolla
RET Q3
RET Geral Audi
RET A3