L200 Savana da Mitsubishi em nova versão e roupagem 2024

Com um visual renovado, a Mitsubishi do Brasil apresenta a quinta geração da versão Savana da L200 Triton. Apresentada em 2004, a versão se consolidou no mercado brasileiro. A linha 2024 chega com atualizações no visual e também na mecânica com preço de R$ 309.990.

A 4×4 ganhou uma nova dianteira, redesenhada e mais estilosa. A grade frontal combina as cores preto brilhante e o grafite. O para-choques de impulsão em forma de bumerangue que acompanham os faróis auxiliares levam o tom grafite, que contrasta com o preto brilhante presente no skid plate.

O capô tem vincos pronunciados e está mais elevado, o que transmite a sensação de uma picape maior e mais imponente, mas não prejudica a condução mesmo em condições urbanas, com trânsito mais pesado ou mesmo em trilhas estreitas.

LEIA MAIS
+ Carro popular: entenda como é feito o cálculo para conseguir o desconto

O novo conjunto óptico conta com faróis em LED mais afilados e um visual muito mais moderno. Ele evoluiu e está mais eficiente para dar maior visibilidade e segurança ao motorista.

Com capacidade para transportar um alto volume de carga, a caçamba da L200 Triton Savana 2024 recebeu acabamento anti-riscos X-Liner e, também, uma caixa multifunções integrada.

A L200 Savana é equipada com snorkel, o que permite uma maior transposição em trechos alagados. A capacidade é de até 70 cm, cerca de 16% a mais que a L200 tradicional.

Motorização
Sob o capô, a L200 Savana carrega um motor 2.4 turbodiesel que rende 190 cv e 43,9 kgfm de torque. Os quatro modos de condução ajudam a picape a encarar diversos tipos de terreno: Cascalho, Lama/Neve, Areia e Pedra.

Outra novidade é o Controle de Descida em Rampas (HDC). Por meio dele, o veículo é capaz de descer as mais íngremes ladeiras, mesmo com baixa aderência, sem que o motorista precise pisar no freio ou no acelerador, apenas controlando a velocidade entre 2 e 20 km/h pelos botões no volante.

Frenagem
A nova L200 Triton Savana 2024 ainda traz um novo sistema de freios redimensionados, com discos 9% maior em relação à geração anterior, que permite frenagens mais precisas e em menor distância, além de maior sensibilidade no pedal.

Artigos Recentes