Curiosidades

Isolamento: Deixar o carro parado muito tempo pode ser prejudicial

Com a pandemia gerada por conta do coronavírus e o isolamentos sociais impostos com o intuito de controlar e evitar a Covid-19, muita gente tem deixado o carro parado em casa. Mas, essa pausa, em excesso, pode ser prejudicial ao veículo e diversos equipamentos. Existem aqueles componentes que sofrem com pouco tempo parado e aqueles mais resistentes.

LEIA MAIS

+ Cuidado com a gasolina parada no tanque do carro. Veja como evitar danos

A bateria é a campeã de problemas quando o carro fica muito tempo parado.Ela pode descarregar se o veículo ficar mais de um mês sem funcionar e, em alguns casos, não pode nem ser recarregada.

Mas não é só a bateria que atrapalha os motoristas, por falta de utilização, os pneus também podem sofrer avarias. As rodas correm o risco de ficarem deformadas, em um longo prazo, cerca de um ano, de forma irreversível. Esperamos que a pandemia não durem mais do que dois meses, mas não custa nada fechar os vidros e dar uma voltinha nem que seja só no quarteirão de tempos em tempos.

A atenção deve ser dobrada também com os fluidos do carro. A umidade na câmara onde se encontram os óleos do veículo podem contaminar o componente. É importante fazer uma análise em uma oficina assim que tudo estiver liberado para não comprometer outros equipamentos do veículo. A parte elétrica também pode ser vítima. Alguns fios podem colar, e só a substituição pode resolver. Mas não são só os fios que correm esse risco. Uma parte importante para a segurança do veículo também pode ficar comprometida. Se o veículo estiver parado por mais de seis meses é importante revisar os freios, pois eles também podem fundir.

Não é recomendado deixar o carro exposto ao sol e à chuva por muito tempo. Então, se você não tem uma garagem coberta em casa é importante cobri-lo com uma capa automotiva, para evitar arranhões e corrosões na pintura.

Também é importante ligar o motor por alguns minutos a cada quatro ou cinco dias e ficar atento ao combustível que está no tanque. A gasolina comum no reservatório do carro tem um prazo de validade menor do que quando ele está armazenado nos postos de combustível. Isso porque, dentro do automóvel, a composição está exposta ao calor e oxigênio. Não para precisar o tempo de validade porque depende muito do local onde o carro está parado e outros fatores, como a composição do combustível.

ME CONHEÇA MAIS

300×250 NEO Blindados
RET Gasolina Dura mais

Assine nossa newsletter

Fique atualizado sobre tudo que acontece no mundo automotivo!