Curiosidades Lançamentos Mercado

Conheça o novo carro do Exército Brasileiro que custa R$ 1,5 milhão

SBD Gasolina Dura mais 2

Sete Lagoas (MG) – Desde criança esse era um dos meus sonhos. Dirigir um carro de força e defesa do Exército Brasileiro. Durante a semana, dezenas de anos depois, me vejo diante do veículo tático LMV, o novo carro do EB que custa aproximadamente R$ 1,5 milhão e foi uma das experiências mais divertidas e cheia de processos para ligar, afivelar o cinto de quatro pontos e acelerar o utilitário produzido pela Iveco Defence Vehicles, no complexo industrial de Sete Lagoas.

LEIA MAIS

+ Tector é a nova aposta da Iveco para o segmento de caminhões leves

O carro de alta mobilidade foi adotado por varias países da OTAN, entre eles Itália, Espanha, Inglaterra, Noruega e em campo, participou de missões no Afeganistão, Líbano, Kosovo e Chade. Não é pouco. O LMV foi projetado para ser compatível com os recursos de direção de imagem térmica, e visão noturna. O carro é completo. Um gigante.

O blindado é pesado e você tem que levar um certo jeito para tomar o posto do piloto sem ajuste de direção e assento. Para ligar siga o protocolo e ative o botão da parte elétrica para no próximo passo energizar o veículo e apertar o botão de partida. O motor da FPT Industrial é o diesel 3.0 que pode render de 190 ou 220 cavalos de potência, depende da configuração. O propulsor atua com uma caixa de oito marchas automática, de alavanca simples mas precisa. E tem um lance viu! A distância de frenagem é das boas e mantém o veículo firme em linha reta com segurança. Nele, nas curvas e troca de piso você percebe de imediato a atuação do controle de tração e estabilidade.

O LMV (Light Multirole Vehicle – viatura multitarefas) é 4X4 permanente e não precisa apertar nada para isso. A cabine remete a uma central de controles carregada de botões. Internamente os cinco ocupantes precisam de intercomunicadores para facilitar a conversa e são necessários porque o ruído a bordo não é dos menores. As cores do EB estão em toda parte na estrutura do LMV que tem rodagem aro 20 polegadas e pneus 335/80 e mesmo pesando cerca de oito toneladas oferece uma dirigibilidade das boas. A direção é leve e as manobras das curvas são impressionantes.

O carro ágil tem praticamente todos os comandos analógicos. A máxima na pista on e off road da Iveco foi limitada a 90 Km/h mas o grandão chega aos 140 Km. Direção hidráulica e suspensão reforçada são dois pontos de destaque no veículo.

A rodagem robusta é capaz de vencer qualquer terreno, o LMV de 4,86 metros, 2,20 m de largura e 3,24 de entre-eixos tem 2,10 de altura e espaço de sobra para o armamento. Achando que para por aí? Não. Ele também vira anfíbio porque passa com água de até um metro e meio de altura.

Na segunda parte do teste, de carona também fui atrás como um soldado, na mesma posição de defesa com o cinto amarrado e segurando o PQP para me manter firme nos assentos de apoio de cabeça gigante feito para não atrapalhar o uso do capacete. Para aquele ajuste de conforto, saída do ar-condicionado serve a turma de trás e a turma agradece.

O visual
Vidros de blindagem militar, o estilo é de guerra, de defesa. Na grade frontal a assinatura do fabricante com faróis e LED direcionais. O para-choque dianteiro com três ganchos e o snorkel completa o frontal. Atrás o reboque está garantido. No teto, uma escotilha de acesso. Os pneus mais uma vez digo que são para toda hora e o compartimento traseiro oferece acesso pela porta traseira e duas laterais.

Guarani
E o Guarani? Esse vamos falar dele depois porque foi o veículo mais caro que já andei. O custo? Na faixa dos R$ 5 milhões mas que pode chegar entre R$ 10 milhões e R$ 12 milhões equipado é uma outra aventura. É daquelas! Imagine subir um degrau de 50 cm fácil e curtir a tração 6X6…

SBD VW Virtus

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

Baixe meu E-book

Inscreva-se para receber seu e-book gratuitamente

Acompanhe nosso canal

300×250 NEO Blindados
RET Autoparvi Corolla