Lançamentos Mercado

Conheça o Commander, novo Jeep de sete lugares é uma grande surpresa

Chegou o dia de conhecer o Commander, novo Jeep de sete lugares produzido no Polo Automotivo de Goiana, em Pernambuco. O modelo é o primeiro SUV da marca desenvolvido no Brasil, mas com um conceito global e será exportado para 14 países da América Latina onde a empresa tem participação. O preço parte de R$ 199.990 (veja tabela completa abaixo).

Diesel ou flex? Depende da sua disposição financeira. Só seu objetivo ou preferência de combustível mas confesso que o flex é uma grande surpresa. Adjetivando mesmo. O que não deixaria você com as mãos no modelo 1.3 de 185 cv seria a tração 4X4, exclusiva do carro a óleo. O SUV vale o investimento porque é muito completo. O diretor-geral do Brand Jeep para a América Latina, Alexandre Aquino disse muito confiante que o modelo eleva o patarmar dos veículos da montadora. “O cliente Jeep começa com o Renegade, se desenvolve passando pelo Compass e agora sobe mais um degrau, chegando ao Commander. A tal da continuidade dentro da mesma empresa. Isso também se chama fidelização”.

Leia mais no site

+ Hyundai Creta tem design ousado e ganha motor turbo a partir de R$ 107 mil

O Commander tem apenas duas versões disponíveis, Limited e Overland, ambas contam com opções de motores turbo flex 4×2 e caixa de seis marchas e o turbo diesel 4×4 com câmbio de nove velocidades. O principal destaque fica mesmo por conta do espaço, já que o atrativo é mesmo a capacidade de sete lugares, disponibilizando mais conforto, versatilidade a até amplo porta-malas de 661 litros com o uso de cinco lugares.

O utilitário pode ser equipado com o motor turbo flex T270 que é capaz de entregar até 185 cavalos de potência e 270 Nm de torque, associado a uma transmissão automática de seis velocidades e tração 4×2. O suficiente para mandar bem nas retomadas e atender ao condutor mais urbano e estradeiro comportado, que não encara o 4X4. A plataforma small wide, da mesma família do Renegade, Toro e Compass é versátil e garante medidas no comprimento de 4.769 mm e distância entre-eixos de 2,794 mm. O Jeep tem 1,698 de altura e 225 mm de distância do solo.

A opção turbo diesel TD 380 2.0 e quatro cilindros que pode entregar 380 Nm de torque e 170 cv de potência associado a uma transmissão automática de nove velocidades bem que poderia ter um pneu mais ousado, mesmo na Overland, um tipo todo terreno mas a opção do fabricante foi outra. O carro é valente no 4X4 mais radical e provou isso na pista. Até escada subi com o Comannder.

O veículo conta com uma assinatura única mas possui as tradicionais sete fendas na dianteira, juntamente com os faróis unificados. O conjunto óptico traz faróis full LED. O LED também é encontrado nas lanternas do utilitário, que contam com design inédito e trazem acabamento em cromo acetinado, com quatro refletores inferiores. As luzes de neblina e DRL também são em LED.

O interior é repleto de elementos de sofisticação como os bancos em couro com detalhes em suede. Os assentos possuem costura aparente, com tom acobreado, bordado no encosto e nos assentos dos bancos. Os materiais que revestem os bancos também são encontrados no painel com costura em burnished cooper no acabamento em marrom e preto e em light diesel grey no acabamento em cinza.

De acordo com a marca, são seis opções de cores disponíveis: branco polar, cinza granite, prata billet, azul jazz, deep brown e preto carbon. Além de uma nova cor exclusiva para o modelo, o slash gold. Nas versões Overland, além do teto preto, as molduras inferiores são na cor do veículo. Por dentro há três cores como opções para o acabamento interno: couro e suede preto (Limited), couro e suede marrom (overland) e couro cinza (opcional).

Vale dizer ainda que o Commander traz nove easter eggs espalhados no interior e exterior do veículo. Além de alguns tradicionais encontrados também em outros modelos Jeep, o novo SUV da Jeep traz novos desenhos.

Para quem está se perguntando das medidas do novo SUV de sete lugares do mercado nacional, a Jeep destaca que o modelo tem três fileiras de assentos, sete lugares e porta-malas com 1.760 litros com todos os bancos rebaixados, 661 na configuração com cinco ocupantes e 233 litros com os sete assentos levantados.

Tecnologia embarcada

No quesito tecnologia, o Jeep Commander possui um cluster totalmente digital e personalizável com 10,25″ e central multimídia de 10,1″ full HD com navegação embarcada e espelhamento para Apple Carplay e Android Auto por conexão sem fio. Também está disponível carregamento de smartphone por indução e caso outros passageiros queiram carregar com o cabo, existem portas USB nas três fileiras de assentos. Na última fila, dois adultos de 1m80 vão relativamente bem acomodados.

O utilitário traz também acesso ao porta-malas com abertura e fechamentos elétricos na Limited e Overland, sendo que na última ainda há sensor de presença (Hands-Free). Ainda há pára-brisas e vidros laterais térmicos, rebatimento automático dos retrovisores, Keyless Enter ‘N Go e ar-condicionado Dual Zone com canal dedicado aos assentos traseiros.

Outros destaques em tecnologia, que oferecem mais conveniência ao cliente, são o banco do motorista com ajuste elétrico em todas as versões, banco dianteiro do passageiro com ajuste elétrico na Overland e o amplo teto solar panorâmico.

O Jeep Commander traz controle de cruzeiro adaptativo, alerta de colisão com frenagem automática, detecção de ponto cego e de tráfego cruzado, alerta de mudança de faixa, frenagem de emergência para pedestres, ciclistas ou motociclistas, detector de fadiga do motorista, reconhecimento de placas de velocidade, comutação automática de faróis e park assist.

Versões e preços

Jeep Commander Limited Turbo Flex AT6: R$ 199.990
Jeep Commander Overland Turbo Flex AT6: R$ 219.990
Jeep Commander Limited Turbo Diesel 4×4 AT9: R$ 259.990
Jeep Commander Overland Turbo Diesel 4×4 AT9: R$ 279.990

ME CONHEÇA MAIS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Sua assinatura não pôde ser validada.
Você fez sua assinatura com sucesso.

Lista VIP

Assine nossa lista e receba notícias em primeira mão.