Chevrolet Montana tem consumo divulgado pelo Inmetro

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) divulgou os números de consumo da nova Montana. A versão automática tem um consumo médio de 11,1 km/l na cidade e 13,3 km/l na estrada, abastecida com gasolina.

Já a versão manual da picape tem um consumo médio de 12 km/l na cidade e de 13,6 km/l na estrada, também na gasolina.

Os dados foram publicados nesta quarta-feira (1º). A picape ficou um pouco à frente de uma das suas principais concorrentes, a Fiat Toro. A caminhonete da marca italiana, nas versões Diesel não passa de 10,5 km/l na cidade e 13 km/l na estrada.

LEIA MAIS
+ Kwid é o carro flex mais econômico do Brasil na cidade, confira ranking

Nas versões flex a Toro tem um consumo médio de 9,5 km/l na cidade e 11,2 km/l na estrada. Em ambos os casos, a vantagem fica por conta da Montana.

Outra concorrente da Montana é a Fiat Strada. No câmbio automático, com gasolina, a picape faz 12,5 km/l e 13,3 km/l, na cidade e estrada, respectivamente. Com o pé na embreagem a Strada faz até 12,5 km/l na cidade e 14,3 km/l na estrada, com gasolina.

Picape da Chevrolet
A nova Chevrolet Montana chega este ano em quatro versões, segundo informou a GM. São duas versões de transmissão automática (Premier e LTZ) e duas com câmbio manual (LT e LS).

A picape da GM foi apresentada no fim de 2022, mas apenas com transmissão automática. A produção do veículo teve início no complexo industrial da General Motors em São Caetano do Sul.

No lote inicial com 2 mil unidades todas as picapes foram vendidas. O preço partia de R$ 134.490 na versão LTZ e a linha Premier custa a partir de R$ 140.490.

Artigos Recentes