Mercado Tecnologia

BMW bate à porta da CES com visão do futuro da autonomia e uma moto sem piloto

A BMW esperou o clima de Natal, principalmente o norte-americano de Woodcliff Lake, que fica no condado de Bergen, em Nova Jersey, para dar um molho no que vai rolar entre 8 e 11 de janeiro, em Las Vegas, na Consumer Electronics Show (CES 2019). Os alemães apresentarão o futuro do prazer de dirigir e o seu potencial da conectividade com as fronteiras digitais. Ou seja, o nosso novo e não menos misterioso mundo ousado e criativo ao ponto de lançar o projeto da moto que vai dispensar o piloto e será fonte de indicadores para aperfeiçoamento de manobras dos condutores. Essa foi demais!

LEIA MAIS

+ Nissan promete ver o invisível na CES 2019. Já pensou como ficará o futuro?

+ Volkswagen inova na forma de apresentar os carros em suas “Concessionárias Digitais”

No Pavilhão da empresa, localizado no Silver Lot de Las Vegas Convention
Center, nossa equipe já agendou o primeiro passeio virtual no Vision iNEXT,
literalmente assessorado por um assistente pessoal da empresa. A condução
automatizada associada aos sensores que levarão o motorista a experimentar, em tempo real, as inovações nas áreas de design, direção, conectividade, eletrificação e serviços.

O BMW Vision iNEXT ficará ao lado de uma apresentação de realidade mista que permitirá a sensação virtual de conduzir o carro. Com os óculos de realidade virtual e um conceito espacial projetado para o evento, nós e todos que se aventurarem, vamos mergulhar em uma outra vida autônoma e com displays interativos e interfaces. No X7, por exemplo, a tecnologia off-road entrará em cena. Vamos ver o que ela tem de novo.

Vai valer a pena “navegar” no “Shy Tech”? Sim. Vamos contar sobre essa experiência que também incluirá o novo assistente pessoal inteligente, plataforma atualizada e que será lançada nos veículos da marca a partir de março, como a nova Série 3. O dispositivo permite que motoristas e passageiros controlem as principais funções do veículo usando a comunicação por voz em linguagem natural. Fale em português e vai ficar tudo certo. O sistema vai além dos gestos.

E a moto ?

Impossível esquecer dessa parte curiosa: será tempo de ver também a R 1200 GS de alta performance sem piloto. Literalmente como estou escrevendo. A máquina foi desenvolvida como uma plataforma de pesquisa para obter insights sobre como ajudar os motoristas a melhorar suas manobras no futuro. Sem o condutor apoiado no guidão.

* Por Jorge Moraes

SBD Audi Junho

Baixe meu E-book

Inscreva-se para receber seu e-book gratuitamente

Acompanhe nosso canal

RET Audi Junho