Quanto custaria o Creta de luxo que a Hyundai apresenta no Salão de São Paulo?

O Creta Diamond exibido pela Hyundai no Salão de São Paulo (até 18 de novembro) é digno de ser chamado de carro de luxo. O SUV de entrada da marca sul-coreana tem atributos que só encontramos em carros para lá dos R$ 200 mil, como o som JBL com três amplificadores, seis alto-falantes e um subwoofer projetando mais de 750 watts de potência, as belas rodas exclusivas de 19 polegadas e duas centrais multimídia montadas no encosto dos assentos dianteiros, com tela de 10 polegadas, acesso à internet. Mas quanto custaria uma versão do Creta com tudo isso e muito mais que está exporto? A Hyundai não revela, afinal, essa unidade é única e foi feita apenas como carro de imagem para a mostra brasileira.

VEJA AQUI NOSSA COBERTURA NO SALÃO DE SÃO PAULO 2018

Tendo como base a configuração topo de linha Prestige, o modelo nasceu de um exercício de criatividade liderado pela equipe de Planejamento de Produto da Hyundai no Brasil, que trouxe para o Creta Diamond os principais elementos presentes em carros do segmento de luxo. Foram mais de cinco meses de desenvolvimento e três meses para pintura e montagem, trabalho que envolveu diretamente mais de 250 pessoas e 35 empresas distintas. Outras 600 pessoas participaram indiretamente do projeto.

A lataria é pintada na cor perolizada Azul Deep Dive, criada especialmente para o Diamond pelas empresas Merck e Axalta, fornecedoras da fábrica da Hyundai, em Piracicaba (SP). A nova cor traz, em várias camadas, brilho e diferentes aspectos do azul, e entrega uma sensação de “furta-cor”, mudando levemente de matiz de acordo com a luz. A carroceria e as demais peças azuis, como para-choques e proteções plásticas, foram preparadas no SENAI Ipiranga, outro parceiro da montadora.

Ainda do lado de fora, lanternas e faróis são em LED. Na lateral do utilitário compacto, as maçanetas externas aparecem com acabamento cromado, assim como o emblema Diamond na tampa traseira. Todos os itens contrastam com os pilares e retrovisores em preto brilhante e as novas molduras plásticas pintadas na mesma cor do carro. As rodas de liga leve de 19 polegadas têm design moderno, com raios diamantados e pintura preta, montadas em pneus Pirelli Pzero de alta performance na configuração 245/45 R19.

Estilo interior e tecnologia

O interior do Creta Diamond foi totalmente repensado quando comparado ao Creta Prestige, do painel aos detalhes do banco. Foram mais de 200 peças redesenhadas com um design renovado e moderno.

Os bancos são revestidos de material sintético de microfibra nas cores marfim e caramelo, estilizado com perfurações em matelassê e em formato de diamante, permitindo maior ventilação – inclusive com variação no diâmetro dos furos dando um efeito 3D. O volante e a manopla de câmbio acompanham o design dos assentos e também são revestidos em microfibra na cor marfim. O material dos bancos foi produzido na China pela empresa Neur Leder e passou por tratamentos no Japão e nos Estados Unidos antes de ser finalizado no Brasil para instalação.

As peças das portas e do painel foram reestilizadas e pintadas em três cores – caramelo, marfim e marrom –, contrastando com os assentos. Ao olhar para cima, o motorista encontra o teto solar panorâmico de ponta a ponta, entregando uma sensação de amplitude e espaço no interior do carro.

Além do novo design e acabamento, o Creta Diamond traz itens de tecnologia de última geração. A central multimídia principal blueNav, com tela de 7 polegadas e conectividade para Apple Car Play e Android Auto, está ligada ao sistema de som JBL com três amplificadores, seis alto-falantes e um subwoofer projetando mais de 750 watts de potência. Nos bancos traseiros, os passageiros têm acesso a duas centrais multimídia montadas no encosto dos assentos dianteiros, com tela de 10 polegadas, acesso à internet e entradas USB, HDMI e auxiliar com compatibilidade para DVD.

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será divulgado.
Campos marcadas com * são obrigatórios