Novo Jetta tem padrão premium de equipamentos já na versão de entrada

Recém-lançado no Brasil, o novo Jetta já se destaca nas vendas e promete incomodar os líderes do segmento, Corolla Civic e Cruze. Um dos motivos para o sucesso da nova geração do sedã da Volkswagen está no custo/benefício de sua versão de entrada, a Comfortiline. O preço de R$ 109.990 pode até assustar no primeiro momento, mas quando olhamos para a lista de equipamentos de série, vemos que seus rivais cobram mais e entregam menos.

LEIA MAIS

Novo Jetta: entenda como um motor 1.4 consegue entregar tanto desempenho

Novo Jetta é referência no uso da tecnologia para a segurança dos passageiros

Entenda como a plataforma MQB fez o novo Jetta crescer em todas as medidas

O novo Jetta Comfortline 250 TSI conta com ar-condicionado “Climatronic” com regulagem digital de temperatura para motorista e passageiro (duas zonas), luzes de condução diurna (DRL) em LED, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, sensor de chuva, seis airbags (dois frontais, dois laterais e dois do tipo cortina), Bloqueio Eletrônico do Diferencial, sistema Start/Stop e Função de Frenagem de Manobra (RBF).

Complementam o conjunto freio de estacionamento eletromecânico (com acionamento por botão), assistente de partida em subidas, vidros, travas e retrovisores externos com acionamento elétrico e volante multifuncional e bancos revestidos de couro. Também é de série o sistema de infotainment “Discover Media” com tela de 8”, que permite conectividade avançada com os smartphones por meio do App-Connect (Android Auto, Apple CarPlay e Mirrorlink) e oferece navegação integrada.

O Novo Jetta Comfortline 250 TSI traz rodas de 17 polegadas estilo “Polanko” com pneus 205/55 R17, câmera traseira para auxílio ao estacionamento, sistema Kessy (chave presencial para abertura e fechamento das portas e acionamento do motor por meio de botão) e espelho retrovisor interno eletrocrômico. O modelo conta, também de série, com o sistema de seleção do perfil de condução e iluminação ambiente ajustável em 10 tonalidades.

O recurso de Seleção do Modo de Direção inclui quatro opções: “Eco”, que privilegia a economia de combustível, “Normal”, que mantém os ajustes de fábrica, “Sport”, para uma condução mais esportiva, e “Individual”, no qual é possível ajustar os parâmetros de direção, transmissão e outros assistentes de condução da forma que o condutor preferir.

O sistema de iluminação ambiente de LED permite escolher entre 10 opções de cor. Coordenado com o recurso de Seleção do Modo de Direção, o sistema fornece luz branca indireta no perfil “Normal”, luz vermelha no perfil “Esporte” e luz azul no perfil “Eco”. O motorista pode definir qualquer uma das 10 cores usando o modo manual ou “Individual”.

Motorização

O Novo Jetta chega ao mercado brasileiro oferecido exclusivamente com o motor 1.4 TSI Total Flex e transmissão automática de seis marchas (com conversor de torque) com função Tiptronic.

O motor 1.4 TSI é produzido pela Volkswagen na Fábrica de São Carlos (SP) e desenvolve potência máxima de 150 cv (etanol ou gasolina) a 5.000 rpm. Seu torque máximo, de 250 Nm (25,5 kgfm), surge a apenas 1.400 rpm e se mantém plano até 3.500 rpm, com gasolina ou etanol.

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será divulgado.
Campos marcadas com * são obrigatórios