Nova geração do Mercedes GLE chega mais tecnológica a potente

A quarta geração do Mercedes GLE (ex- Classe M) foi lançada com mais atributos tecnológicos no interior e surpresa no conjunto mecânico. A apresentação oficial do utilitário de luxo está marcada para o Salão de Paris em outubro e só será visto nas ruas em 2019.

O visual do exterior do novo GLE ficou mais limpo, com menos vincos. Além disso, o conjunto óptico foi redesenhado com nova assinatura em LED. Já no cockpit as mudanças são bem mais marcantes porque as telas dominaram o espaço.

São duas telas de 12,3 polegadas, uma para o quadro de instrumentos e outra para o inovador sistema de entretenimento MBUX, que além de um visual de tirar o fôlego, possui inteligência artificial e obedece aos mais variados comandos de voz, como alterar a temperatura da cabine. 

No tamanho, o novo GLE cresceu 8 cm no entre-eixos, garantindo assim mais espeço para os passageiros do banco de trás. Na versão com duas fileiras de bancos (há opção de 7 lugares), o porta-malas passa agora a comportar 825 litros, chegando, portanto, a 2.055 litros com os bancos rebatidos.

Mas é no conjunto mecânico que está a principal surpresa. Isso porque a Mercedes adotou no seu utilitário luxuoso o motor turbo de 6 cilindros com 367 cv de potência e 51 kgfm de torque. Além disso, ele é auxiliado a um sistema elétrico de 48 volts que, dependendo da necessidade, gera até 25 cv e 25,5 kgfm de força. A transmissão é automática de 9 velocidades.

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será divulgado.
Campos marcadas com * são obrigatórios