Hyundai i40 SW faz parte da série: “peruas que queremos ver no Brasil”

Ao ver a i40 Station Wagen, que foi atualizada pela Hyundai, vem à tona o mesmo sentimento que tivemos no Salão de Paris, quando vimos de perto o nascimento das novas peruas da Toyota (Corolla SW) e Peugeot (508 SW). Como gostaríamos de ver esses carros nas ruas brasileiras… Eles são bonitos, espaçosos, seguros e com ótimos conjuntos mecânicos. Mas nós brasileiros trocamos o charme das peruas pela versatilidade e status dos SUVs compactos.

A Hyundai atualizou o i40 Station Wagon para o ano 2019 com uma reestilização, reforço da tecnologia de apoio à condução e de segurança, além de um novo motor Diesel. A informação é do AutoFoco de Portugal.

Na modernização do estilo destaca-se a dianteira, que passa a exibir uma nova grade, a última versão da “grade em cascata”, segundo denominação da própria Hyundai. O i40 também ganhou novas rodas de liga-leve de 18 polegadas.

No interior, haverá escolha entre duas novas tonalidades para decoração e materiais: vermelho e uma combinação de cinza e preto. Outras atualizações na cabine incluem o novo desenho do painel das portas (cuja cor pode combinar com a dos bancos) e estreantes acabamentos metalizados no tablier, na versão com os interiores a vermelho e cinza.

A Hyundai i40 SW atualizada tem melhorias de segurança. Mais especificamente, o pacote Hyundai SmartSense adiciona o sistema Forward Collision-Avoidance Assist (FCA), tecnologia que alerta o condutor para situações de emergência e aciona os freios autonomamente, se necessário. Este dispositivo é ativado quando um veículo é detectado, à dianteira do i40, quando este circula a velocidades a partir de 10 km/h, inclusive.

A adição final e mais importante para a linha 2019 do modelo familiar sul-coreano é o novo motor Diesel de 1.6, que parte de 115 cv e 28,6 kgfm e dispõe de transmissão manual de seis velocidades.

Há também uma versão mais potente com 136 cv e 32,7 kgfm de torque, com o caixa manual de seis velocidades ou automática com dupla embreagem e sete velocidades.

One answer

  1. Raimundo A.
    14 de outubro de 2018 at 08:22

    Infelizmente, acho que pela junção de fatores como pavimento ruim, status, falsa sensação de segurança em veículos com vão livre maior, além de tendência, as SW, muitas no passado, estão perdendo a vez aqui sendo até pouca a oferta nas marcas premium que ainda exploram.

    Da Hyundai, como veículo de passeio, descarto SW. Embora a i40 seja muito bonita, é um nicho e este sendo um dos que menos vendem, às vezes não compensa nem ofertar.

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será divulgado.
Campos marcadas com * são obrigatórios